O que é Permeabilidade?

Permeável

Permeabilidade é a capacidade de transmitir fluidos, no caso quando tratamos de permeabilidade do solo é a capacidade de absorção de chuvas pelo mesmo. E apesar de parecer uma coisa banal a permeabilidade é um assunto de extrema importância para o meio urbano.

Quase todos os anos os noticiários cobrem algum tipo de enchente catastrófica, que ocorrem principalmente nas grandes cidades devido à ocupação desordenada do solo.

A capital paulista é uma das mais atingidas devido ao intenso regime de chuvas e da impermeabilidade do solo urbano, ou seja, o território de São Paulo está tão ocupado por construções, asfaltos, calçadas que quando chove a água que deveria ser absorvida pela terra, flui para os sistemas de coleta pluvial e enchem os rios ao ponto de transbordo, inundando as regiões próximas a várzea do rio.

Taxa de Permeabilidade

Várzea é aquela área de terra lateral aos rios em que quando chove demasiadamente é inundada, todo o rio tem sua área de várzea e quanto mais plana é a área, mais a água transborda, sendo um processo natural. O que não é natural é a ocupação desta área de alagamento e a impermeabilização do solo que contribuem para as grandes enchentes urbanas.

E esse não é somente um problema da prefeitura ou dos ocupantes das áreas alagáveis da cidade, é uma questão pública da qual todos fazemos parte, veja por que.

Taxa de Permeabilidade

Na legislação da maioria das cidades é exigido que uma porção de cada terreno privado ou público seja permeável, cada lote deve ter uma área que permita que a água penetre no solo, esta deve ser composta preferencialmente de vegetação, o que melhora a absorção de água pelo solo.

Esta taxa de permeabilidade é obrigatória em muitas cidades, em Curitiba, capital do Paraná e exemplo em legislação urbana, esta taxa é equivalente a 25% da área do terreno. Se o terreno tiver 360 m², 25% ou 90 m² terão que ser permeáveis, sem abranger as calçadas, nem os estacionamentos – mesmo que for gramado – nem as áreas cobertas por beirais.

Permeabilidade Urbana

Isso quer dizer que fazer calçada em toda a área externa do terreno particular e público é proibido por lei em muitas cidades como Curitiba, São Paulo, Belo Horizonte entre outras. E mais do que uma exigência legislativa é uma necessidade para que os rios não transbordem, para melhorar a qualidade de vida de quem mora nas cidades, afinal as áreas verdes domésticas trazem muitos benefícios!

Consulte a legislação urbana da sua cidade antes de construir ou reformar e verifique a taxa de permeabilidade.

Permeabilidade Urbana

Além das áreas permeáveis que deveriam estar presentes em todos os loteamentos, as cidades também precisam ter suas áreas verdes, calçadas com canteiros gramados são muito positivos para aumentar a segurança do pedestre, melhorar o aspecto paisagístico e ainda permitir que o solo drene parte da água da chuva.

Área Permeável

Existe também a pavimentação permeável, seja a cobograma (bloco de concreto vazado que permite que a água entre pelos vazios), as placas drenantes que são sólidas com capacidade de absorção de chuva e o asfalto drenante, que além de colaborar com a permeabilidade urbana reduz o risco de acidentes por aquaplanagem, pois evita a formação de poças de água na pista.

Uma forma de contenção das chuvas em locais afetados por inundações é a construção de cavas ou de campos esportivos rebaixados do nível da rua, para funcionar como uma piscina de contenção emergencial.

Se todos fizerem sua parte em um exercício de cidadania conjunta as cidades não vão mais temer as chuvas e todos poderemos viver em cidades mais verdes e sustentáveis.

Fernanda Knopik

Fernanda Knopik é Editora-Chefe do ArquiDicas e idealizadora do site, acredita que a Arquitetura é essencial na vida das pessoas, pois tem o poder de transformar e melhorar o modo como elas de relacionam. É formada em Arquitetura e Urbanismo pela PUC-PR.

Adicionar Comentário

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.