Edifício Amélia Teles – Porto Alegre RS

Edifício Amélia Teles RS

Muito mais do que uma incorporadora a Smart!, empresa fundada em 2008 pelos arquitetos Ricardo Ruschel e Márcio Carvalho juntamente com o engenheiro Carlos Eduardo Voegeli, surpreende com projetos únicos, contemporâneos, que buscam valorizar a região onde estão instalados, se integrando e agregando a paisagem urbana.

O que se percebe na arquitetura produzida pela Smart! é o investimento na qualidade da edificação, a frente dos interesses econômicos e de modismos banais, somente a boa arquitetura como dizem no seu manifesto.

Isso fica evidente no edifício Amélia Teles localizado em Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, o estado mais sulista do Brasil.

Projeto Amélia Teles

A escolha do terreno para construção do Amélia foi feita com base no seu entorno, sua rua tranquila, arborizada, com poucos carros, vizinhos passeando com seus cachorros, onde em poucos passos se chega ao mercado, aos bons restaurantes locais, a farmácia, a padaria, a academia e as praças próximas. Incentivando os moradores a curtirem o bairro e viver sua cidade de forma harmoniosa.

Ainda assim os moradores do Amélia Teles 315 estão entre duas avenidas principais que facilitam chegar a qualquer bairro.

Essa liberdade observada na locação do edifício também se reflete na estrutura do Amélia Teles, feita em laje nervurada capaz de suportar grandes cargas e permitir um grande vão em todo o apartamento, que possui planta livre, ou seja, não existem paredes, cada morador tem a liberdade para criar o layout que se adapte as suas necessidades.

Arquitetura Brasileira RS

Os apartamentos, com mais de 100 m² cada, tem a esquadria frontal com 9,4 metros de largura cobrindo cerca de 2/3 do vão, permitindo a entrada de luz natural.

Segundo o Engenheiro Carlos Eduardo Voegeli “A esquadria foi escolhida criteriosamente para oferecer segurança, conforto térmico e acústico, tendo uma ótima vedação e filtro UV que evita o desbotamento das cortinas”.

O pé-direito tem 2,73 metros de altura e a laje tem um revestimento com manta acústica em todos os pavimentos.

Pé-Direito Alto

Para os amantes da arquitetura honesta é possível manter a laje aparente com piso de cimento queimado, ou então colocar piso de madeira com forro em gesso, tudo ao gosto do cliente. Já que este apartamento é um verdadeiro camaleão. Um, dois, três quartos? É o cliente quem define.

Mas todo este luxo é exclusivo de poucos moradores, são apenas 8 apartamentos e 12 vagas de garagem, com pouquíssimas áreas comuns, somente o necessário, o que permite uma ampla área privativa e uma divisão condominial mais justa.

Fernanda Knopik

Fernanda Knopik é Editora-Chefe do ArquiDicas e idealizadora do site, acredita que a Arquitetura é essencial na vida das pessoas, pois tem o poder de transformar e melhorar o modo como elas de relacionam. É formada em Arquitetura e Urbanismo pela PUC-PR.

Adicionar Comentário

190 Vida Low Carb

Categorias

Siga o ArquiDicas

Tem um monte de conteúdo legal em todos os nossos canais. Siga e receba as melhores dicas para Casa e Jardim.